©  2019 por Clínica Dra. Renata Soriano

Rua Fernando Falcão, 315 - Mooca - São Paulo, SP 03180-001

Tel: 11 2601-3048 

  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Facebook Ícone
  • Ft Renata Soriano

Degeneração Discal

É muitíssimo comum de aparecer no exame de ressonância magnética a desidratação / degeneração do disco intervertebral. Os discos intervertebrais são estruturas que funcionam como “amortecedores” entre os ossos da coluna (vértebras). Além de amortecerem os impactos, permitem uma mobilidade fisiológica entre as vértebras. Com o passar dos anos, os discos vão perdendo a flexibilidade, elasticidade e as características de absorção de impacto levando a degeneração (desgaste).



Degeneração Discal


Importante destacar que esse processo também pode acontecer em pacientes muito jovens que fazem uso excessivo e talvez até indevido da coluna vertebral.






A medida que ocorre a progressiva desidratação do disco, ele torna-se mais rígido e perde sua altura normal. A rigidez do disco pode limitar seu movimento e eventualmente causar dor local pelo processo inflamatório associado.


O sintoma mais comum é de dor na coluna, e problemas funcionais como formigamento ou dormência nas nádegas, pernas ou braços dependendo da região da coluna afetada. Na maioria dos casos a opção de tratamento é NÃO cirúrgica, sendo utilizados recursos específicos da fisioterapia para o tratamento do quadro.


Se no seu exame de imagem apareceu um destes termos: degeneração, hipohidratação ou desidratação de disco, você pode estar passando por este processo.


Em caso de dúvidas,

eu e minha equipe nos colocamos à sua disposição e teremos o maior prazer em poder te ajudar.

Dra. Renata Soriano CREFITO/3 115669

Fisioterapeuta Especializada em Afecções da Coluna Vertebral e Mamãe da Lara.

3 visualizações